Piadas Eróticas

http://www.fotosdahora.com.br/fotos_upload//0000000000331.jpg

Teste de Urina

Régis, analista de sistemas, está com muita dor no braço
direito e resolve ir ao medico. Chegando lá, o doutor lhe diz:
- Tenho um novo computador aqui, basta você urinar neste pontinho e ele nos dirá o que você tem!
- Ha ha ha! Não acredito nisso! sou analista de sistemas, nunca ouvi tamanha asneira! Mas, vamos lá!
Régis urina no pontinho e entrega ao doutor, que o coloca no compartimento de análise do computador.
Aperta um botão aqui, outro ali. Passados uns 30 segundos, sai um papelzinho:
Régis Magalhães 35 anos
Branco
Analista de Sistemas
Artrite no braço direito

-O quê!? Como essa máquina fez isso! Eu quero fazer o exame de novo!
Régis vai p/ casa.
No dia seguinte, desta vez em jejum, faz xixi no pontinho e leva à máquina para nova análise. Passados outros 30 segundos, sai outro papelzinho:
Régis Magalhães 35 anos.
Branco.
Analista de Sistemas.
Artrite no braço direito.

- Doutor, realmente não acredito. Me dê outro pote!
Régis vai p/ casa. Faz xixi dentro. Pede p/ mulher e a filha fazerem também.
Coloca um pouco de óleo do carro e ainda por cima se masturba e coloca o resultado no pontinho. Mistura tudo e leva p/ doutor pensando:
- "He he he! Agora quero ver!"
O doutor coloca o pote no computador.
Sai o papel:
Régis Magalhães 35 anos.
Branco.
Analista de Sistemas.
Corno!
Filha grávida de 3 meses.
Seu carro precisa fazer uma revisão no motor.
Próxima vez que se masturbar, faça-o com a mão esquerda, pois o BRAÇO DIREITO ESTÁ COM ARTRITE!

Nota de 100

Um homem foi fazer uma tatuagem de 100 reais no bilau.
O tatuador disse:
O meu senhor vai doer muito fazer essa nota de 100!
O homem retrucou:
Eu quero homenagear tres pessoas com essa tatuagem!
Depois do servico pronto, ficou ate bonito meio sanfonado!
Por curiosidade o tatuador pergunta:
Posso saber quem sao as tres pessoas que o senhor vai homenagear?
Pode sim! - disse o homem
A primeira e minha esposa que gosta de ver o meu dinheiro CRESCER!
A segunda e minha amante, porque ela e economista e gosta de ver o dinheiro ENTRAR e SAIR!
E o terceiro sao os meus funcionarios, porque eu falei pra eles que un dia eu ia encher o CU deles de dinheiro!

Joãozinho e a Professora

Ao entrar na sala de aula, a professora vê um pênis desenhado no quadro. Sem perder a compostura, imediatamente ela apaga o desenho e começa a aula. No dia seguinte, o mesmo desenho, só que ainda maior. Ela torna a apaga-lo e não faz nenhum comentário. No outro dia, o desenho já está ocupando quase o quadro todo, e embaixo ela lê os seguintes dizeres: 'Quanto mais você esfrega, mais ele cresce!

 

A formiguinha putona

Existia na floresta uma formiguinha que era a maior putona. Já tinha dado pra todo mundo da floresta, menos pro elefante. Pra você ter uma idéia, o o.b. dela era uma ovelha...
Mas todo dia quando o elefante passava na frente de sua casa ela soltava aquela cantada:
- Oi, elefante! Você é elefantão ou elefantinho?
E o elefante sempre ignorando... Sempre ignorando, mas bronqueado com aquelas cantadas diárias da formiguinha. Afinal ela estava duvidando de sua masculinidade.
E a formiguinha insistindo. Até que um dia o elefante não resistiu. Intimou a formiguinha para uma transa bem gostosa. E ela, claro, aceitou...
Toda a bicharada da floresta ficou sabendo e compareceu ao encontro pois seria o acontecimento do ano.
E começou a transa!
A formiguinha gritava, gemia, esperneava já não agüentando mais:
AHHHHH! UHHHHHH! AHHHHH! UHHHHHH!
O elefante já esperando isto, continuou executando sua tarefa até o momento em que ouviu:
- AAAAASSSSS BOLAAAASSSS!
- O QUÊÊÊÊÊ??? Não tô entendendo?
E a formiguinha:
- AAAASSSSS BOLAAAASSSS!
- UAI! A danada não estava agüentando nem o começo e já estava pedindo para eu colocar as bolas!? Será isso?
Mas a formiguinha:
- AAAASSSSS BOLAAAASSSS DOS MEUS ZÓIOS TÃO SAINDO PRA FORAAAA!!!!!!!

 

Pênis?

Margot, uma morena formosa e gostosa, para ajudar no orçamento familiar, saía à noite, na rua da favela em que morava, para trabalhar na profissão mais antiga do mundo.
Um dia, conversando com uma amiga, contou que, mesmo tendo uma freguesia já formada, tava difícil de sobreviver, já que na na favela, o pessoal pagava muito pouco por horas de "trepada".
Sandra, a sua amiga que lhe escutava e que também era uma putona velha e vivida, respondeu para a Margot que ela deveria descer para a cidade, sair da favela pois "lá embaixo" tinha gringo, gente da alta, e que eles pagavam muito bem. E, para reforçar, contou:
-Outro dia, por exemplo, eu desci e peguei um gringo. Aí ele me levou pra jantar, depois me levou pra uma boate onde tinha um montão de lantejoulas brilhantes esvoaçando pelo salão aí, então, ele me levou pro motel. Lá primeiro eu tomei um banho de banheira com espuma, depois o gringo me levou pra cama, onde ele ordenou que eu chupasse um pouquinho o pênis dele. E só por isso ele me deu cem "real".
- Nossa, respondeu Margot, tudo isso? Mas...o que é que é esse tal de pênis???
- É o mesmo que caralho, só que um pouco mais mole...

 

 O Duende Taradão

Estava um negão de uns 2 metros de altura tomando banho no vestiário de um clube quando entra um anão e fica do lado dele.
Ele olha para a piroca do anão, que era gigantesca, olha para a dele, que não chagava nem a 5cm. Daí houve, entre os dois, o seguinte diálogo:
(Chamaremos de N ao negão e de A ao anão, é óbvio...)
N: Como é que você que é um anão tem uma piroca tão grande enquanto que eu, que sou alto e forte, tenho essa coisinha no meio das pernas???
A: Isso é mágica, amigo, mágica...
N: Duvido! Mágica é o cacete!!!
A: Justamente. É o cacete, sim. É que eu sou um duende da floresta e fiz uma mágica para o meu pau ficar grande dessse jeito.
N: Pô, então faz essa mágica pra mim, também. Por favor...
A: Não sei... É uma mágica muito difícil de fazer. Não sei...
N: Ah, faz, vai... Eu faço qualquer coisa, qualquer sacrifício...
A: Então tá! Fica de quatro que eu vou te comer!
N: Ihhh, ta me estranhando cara??? Eu sô é muito macho!!!
A: Então a mágica não vai funcionar e você continuará com essa coisinha que parece de brinquedo.
N: Tá bom...Tá bom...
E lá foi o Negao ficando de quatro e o anão subindo no cara e metendo a piroca.
A: Qual...o...seu...nome...?
N: João.
A: Joao...quantos...anos...você...tem...?
N: 25.
A: João...25...qual...a...sua...profissao...?
N: Pedreiro.
A: João...25...pedreiro...depois de velho ainda acredita em duende???